Poucos gritos e muita conversa com os laterais: a estreia de Dome no Maracanã pelo Flamengo

Poucos gritos e muita conversa com os laterais: a estreia de Dome no Maracanã pelo Flamengo

Técnico catalão mostra estilo discreto e troca ideias com Rafinha e Filipe Luís

Por Fred Huber — Rio de Janeiro

10/08/2020 06h01  Atualizado há 6 horas


Domènec Torrent fez sua estreia no comando do Flamengo no domingo, na derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG, na primeira rodada do Brasileiro. Com apenas uma semana de trabalho, o catalão mostrou um estilo bem discreto e contido à beira do gramado.

Dome durante sua estreia pelo Flamengo — Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Dome durante sua estreia pelo Flamengo — Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

+ Domènec vê Fla com espaço para se aperfeiçoar: “Temos tempo de jogar muito melhor”

Para a torcida que se acostumou com o jeito mais enérgico e gestos mais espalhafatosos de Jorge Jesus, foi uma grande diferença. Dome ficou o tempo inteiro em pé, por vezes com as mãos na cintura, e conversou bastante com seus auxiliares no banco.

Melhores momentos: Flamengo 0 x 1 Atlético-MG pela 1ª rodada do Brasileirão 2020

–:–/–:–

Melhores momentos: Flamengo 0 x 1 Atlético-MG pela 1ª rodada do Brasileirão 2020

Sem gritos. Essa parte que ficou para o argentino Sampaoli na área técnica ao lado. Dome, no entanto, trocou muitas ideias com Rafinha durante a partida. No segundo tempo, Filipe Luís também conversou. Antes de Vitinho entrar no lugar de Gerson e deixar o time com cinco atacantes, o técnico mostrou o desenho tático para o lateral na prancheta.

+ Após derrota, Rafinha lamenta Maracanã vazio: “Flamengo sem torcida não é a mesma coisa”

Depois da estreia com derrota, Domènec Torrent comentou sobre como será a cobrança no Flamengo.

– Estou acostumado a jogar grandes jogos com grandes equipes, tenho experiência. Compreendo perfeitamente. É o mesmo aqui no Brasil, Espanha, Inglaterra, Itália e Alemanha. Quando você não ganha, as pessoas criticam. Mas é normal, tenho que aceitar isso. Quando ganhamos, o técnico está certo. Os torcedores não estão felizes e eu também não fico feliz quando não saímos vencedores. Mas é normal. Podem criticar.

Domènec Torrent aperta a mão de Jorge Sampaoli antes de Flamengo x Atlético-MG — Foto: André Durão

Domènec Torrent aperta a mão de Jorge Sampaoli antes de Flamengo x Atlético-MG — Foto: André Durão

O Flamengo volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Atlético-GO, em Goiânia.

fonte:https://globoesporte.globo.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.